sábado, 17 de março de 2012

O ato de viajar


Olá, amigos!

Hoje não tenho nenhum assunto especial para falar aqui, mas quero falar um pouco apenas do maravilhoso e sempre bem vindo ato de viajar!
Viajar aquece a alma, nos torna mais cultos, mais tolerantes, nos faz perceber que existe um mundo muito maior que aquele que avistamos do nosso quintal. Viajar é cruzar as fronteiras não apenas físicas, mas culturais e linguísticas.
Comecei a viajar bem cedo, não me lembro exatamente quando, mas desde pequena que todas as férias eu e minha família saíamos em viagem para algum lugar do Brasil. Assim conheci primeiro as cidades do Estado do Rio de Janeiro como Visconde de Mauá, Itatiaia e Penedo. Depois, algumas cidades mineiras (Estado pelo qual tenho paixão!) como Poços de Caldas, São Lourenço, Caxambu, Tiradentes, Mariana, São João del Rey, Ouro Preto, Congonhas e Sabará. Ainda adolescente fui parar em Curitiba e Blumenau em pleno verão achando que lá sempre fazia frio (claro que tive que comprar roupa já que a mala não era compatível com o clima!). Também fui a Maceió e Porto Seguro, mas confesso que o Nordeste não faz muito a minha cabeça, levando em conta que não gosto de sol nem de praia e nem de comida condimentada. Ainda conheci a linda cidade de Campos do Jordão, na Serra Paulista,  para onde fui algumas vezes.
Só depois de adulta, formada e já tendo passado dos 30 anos é que me atrevi a viajar para fora do Brasil, começando com aquele destino clássico que a maioria dos brasileiros escolhe para primeira viagem internacional: Buenos Aires!
Como foi diferente aquela viagem! Não apenas por ser o primeiro lugar fora do meu país, tampouco por ser minha primeira viagem inteiramente sozinha, mas porque foi a minha primeira viagem para fora em tempos de internet! E como isso fez diferença!
Sempre gostei de guias e sempre os comprei, desde muito cedo, mas com a internet todas as informações ficam mais acessíveis, sem falar na gama de informações que se pode obter com um simples click no mouse. Foi nessa época que descobri o maravilhoso mundo dos blogs de viagem e seus mais ilustres integrantes e aí não parei mais! Lia, relia, lia em outro blog sobre o mesmo assunto, perguntava na caixa de comentários, mandava email para o blogueiro, enfim...foi somente em 2008 que o mundo das viagens "interneticionais"(junção para internet+internacionais) se descortinou à minha frente e, a partir daquele momento, viajar se tornou minha nova religião!
Desde aquela época, continuo comprando guias impressos e livros sobre viagens (tenho quase 3 prateleiras da estante cheia deles), mas nunca, em hipótese alguma, planejo uma viagem sem recorrer à internet.
Foi também naquela época que nasceu esse blog, no intuito de se tornar uma espécie de "diário de viagem", fosse das viagens já realizadas, fosse dos planejamentos para realizá-las.
Hoje em dia, passados 4 anos, ajudo alguns amigos e conhecidos a planejar roteiros, dou dicas  de hotéis, restaurantes, lojas, passagens aéreas e passeios. Algumas dessas dicas eu, de fato, experimentei. Outras não experimentei ainda mas estão nos meus planos. Tenho amigos que acabam realizando meus planos antes de mim por conta das dicas, o que é ótimo para troca de informações. Aliás, a troca é fundamental! Troco dicas com amigos que também amam viajar. A maioria desses amigos eu conheci primeiro virtualmente e só depois nos conhecemos na vida real. Alguns estão na esfera virtual até hoje.
Depois de Buenos Aires, veio minha primeira viagem à Europa . Uma conhecida minha havia feito um pacote por uma famosa agência de viagens e tinha se decepcionado horrores, então decidi não usar nenhuma agência no meu planejamento e fui, aos poucos, desbravando os percalços de como se pode viajar para Europa por conta própria. O truque é óbvio: antecedência no planejamento (principalmente se for a primeira vez) e muita leitura (física e virtual)!!!! Descobri que era mais fácil do que eu imaginava! Só precisava de uma boa dose de coragem e uma certa organização para que nada saísse errado (sempre tem algo que vai sair do controle, mas com essa organização, pode-se minimizar os danos).
Descobri o caminho das pedras de se planejar uma viagem utilizando a internet (com muita ajuda de grandes blogueiros como o Ricardo Freire do http://www.viajenaviagem.com/; a Mari Campos do http://pelo-mundo.blogspot.com.br/ e a Maria Lina do http://www.conexaoparis.com.br/; isso para citar apenas três) e hoje sei que posso ser minha própria agente de viagem  e de alguns amigos também (o que faço com grande prazer).
Não tenho nenhuma viagem planejada por hora, mas continuo devota do ato de viajar e recomendo sempre, a qualquer pessoa que tenha possibilidade financeira: viaje!
Depois de uma viagem o seu mundo muda! Tanto o mundo interno quanto a  percepção do mundo exterior! Novos horizontes se abrem e a gente percebe o quanto há para se descobrir! Muita gente não compreende essa vontade que arde ali, latente, pronta para ganhar ímpeto a cada possibilidade de nova viagem, contudo, de uma coisa eu tenho certeza: viajar é um ato que vicia! Porém, só vai trazer benefícios a quem puder escolhê-lo como seu único  e saudável vício!

Até Breve!
p.s. A foto acima é de Veneza em 2010

4 comentários:

Dag disse...

Karla, que gostoso ler seu texto. Vc traduz com tanta clareza e simplicidade o sentimento, com o qual nos identificamos tanto. É exatamente assim que me sinto em relaçao ao "Santo Vício " de viajar.
Que vc aproveite seu tempo, sua vida viajando muuuito, desbravando lugares que lhes traga maravilhas. Beijo querida. Dag

Suka disse...

Tbem estou começando nesse vicio maravilhoso e sempre venho aqui no seu blog para pegar umas dicas...começamos em 2010 com Buenos Aires, depois Foz do Iguaçu, Buenos Aires novamente(é que amamos) e na ultima o Uruguai...agora estou numa afliçao querendo mais e mais...rsrs

KARLA disse...

Suka,

Super normal querer mais e mais...como eu disse vira um vício e é tão maravilhoso que a gente já volta de uma viagem planejando a próxima!!!
Obrigada por ler o blog! Continue comentando!
beijos

Tassia disse...

KARLA, ESTOU ADORANDO SEU BLOG.
SERÁ QUE POSSO TIRAR UMS DUVIDAS COM VC SOBRE EUROPA???? PRECISO DO SEU EMAIL...
SE DER, ME MANDE UM EMAIL QUE A GNT SE FALA : TASSIA_COP@YAHOO.COM.BR.
BJS E OBRIGADA