segunda-feira, 19 de julho de 2010

Dia de ir ao Teatro em Paris

Bonjour, amigos!

O dia amanheceu lindo hoje! Céu azul sem uma nuvem, sol e uma temperatura super agradável de uns 25 graus. O ar está seco e meu nariz as vezes sangra um pouco, mas sei que isso é normal. Foi assim da outra vez. Basta eu beber muita água que logo me acostumo a esse tempo mais seco.
Hoje pela manhã fui ao Musée des Arts et Metiers, um museu super interessante com os inventos da humanidade ao longo dos séculos. Desde a bússola e o astrolábio até o primeiro satélite lançado no espaço. Gostei muito! Fiquei espantada como esse museu estava vazio! Havia momentos em que só estava eu na sala! Acho que os turistas não se interessam muito por ciência ou não têm conhecimento desse museu...
O que mais me encantou foi o laboratório de Lavoisier (aquele que disse que "nada se cria, tudo de transforma") pois ali estão os objetos que ele usou de verdade! Também gostei de ver as primeiras câmeras dos irmãos Lumiére, que invetaram o cinema! Foi um passeio bem educativo!



Saindo de lá, resolvi comer algo e, ao passar pela Notre Dame, vi um restaurantezinho chamado "Quasimodo"! Claro que tive que parar e comer lá! Um delicioso macarrão a bolonhesa com suco de maçã.





Como eu estava ao lado da Notre Dame e tinha comprado o Paris Museum Pass(aquele passe cultural que dá direito a entrada em museus e monumentos) resolvi visitar a Crypta arqueológica. Paris foi fundada ali por uma tribo chamada Parisii no século I d.c. Ali estão os vestígios de uma cidade em estilo Romano com muralhas, esgotos e tudo o mais que era inovação naquela época. Foi um passeio bem interessante.



Depois eu tive de vir para casa me arrumar pois havia comprado ingresso para assistir a peça "Romeu e Julieta" em um teatro lá perto da Torre. Resolvi ir de RER em vez de metrô e, claro, me perdi! As estações de RER são muito confusas e têm pouca indicação de placas. Acabei pegando o trem para o lado errado. Depois pedi informação a uma mocinha que me indicou como eu deveria fazer e acertei, só que a essas alturas, cheguei atrasada ao teatro! Achei que eles nem iam me deixar entrar, mas deixaram e pude assisir a peça que era super alternativa. Apenas 3 atores se revezavam nos papéis de todos os personagens. Tinha hora em que eles cantavam e dançavam. Foi muito divertida, e apesar de eu não ter entendido nem metade do que eles diziam, adorei! Até chorei no final! Foi uma experiência única ir ao teatro em Paris!



Ao sair, ainda era cedo e como eu estava ao lado da Ponte de l'Alma (de onde saem os Bateaux mouches) resolvi fazer um passeio de barco pelo Sena. Passei a viagem inteira ouvindo MP3 e sentindo o vento batendo no rosto. Foi muito bom! Deu uma paz!
Depois de 1 hora de passeio ao lado de uns 500 japoseses que fotografavam até o bote salva-vidas, saí de lá mais leve e voltei para casa de metrô.
O dia foi bom e apesar de eu estar sentindo muita saudade de todos no Brasil, estou feliz.
A bientôt!

VIAGEM REALIZADA EM JULHO DE 2010