Mostrando postagens com marcador Fiésole. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Fiésole. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Fiésole, as ruínas etruscas de Firenze

Ciao, amigos!

Hoje acordei cedo, pois queria tomar café da manhã no hotel e pegar o ônibus turístico até Fiésole, onde estão as ruínas etruscas.
O café desse hotel é ótimo! Melhor que o dos outros que fiquei! Tem até ovo cozido! Uma delícia! Depois de bem alimentada, lá fui eu até esse local que dista 9km de Firenze e que mantém preservadas as ruínas históricas. O ingresso custa 12 euros e te dá direito ao passeio completo, incluindo o Teatro Romano, Templo de Minerva, Termas e Museu arqueológico. O teatro romano é do século I d.c. e acomodava até 2000 espectadores.



O templo dedicado à deusa Menrva ( que depois os romanos vieram a chamar de Minerva) é bem interessante...



...mas o melhor de tudo são as termas! Olhar aqueles espaços em pedra onde ficavam as piscinas públicas, com águas frias (frigidarium), águas mornas (tepidarium) e águas quentes (caldarium), e imaginar como era aquilo há mais de 2000 anos, que pessoas eram aquelas que frequentavam aquele lugar, sobre o quê elas conversavam enquanto tomavam banho...foi uma verdadeira viagem no tempo!


Depois fui ao Museu arqueológico com peças etruscas do século I e até algumas mais antigas, de antes de Cristo.
De lá, peguei novamente o ônibus até o centro de Florença onde está a Casa Buonarroti, que era a casa da família de Michelângelo. Ali, há a exposição da coleção de arte que pertenceu à família, incluindo, claro, peças do próprio Michelângelo.



Saindo de lá tomei um sorvete na deliciosa “Gelateria dei Neri”, que fica na Via dei Neri 22 e rumei até a Ponte Vecchio, famosa por ser a mais antiga da cidade e a única que os nazistas não explodiram ao saírem da cidade. Ela também sobreviveu à grande enchente de 1966 e está mais ou menos do mesmo jeito desde 1345. Desde o século XVI que as lojas da ponte são laboratórios de ourives florentinos. As joias são lindas e muito caras...





Florença está sendo uma grata surpresa. A cidade é uma gracinha, com ruelas medievais e prédios históricos. Estou gostando de admirar toda essa arquitetura tão diferente!

Arrivederci!

VIAGEM REALIZADA EM AGOSTO DE 2010