sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Michelangelo e Galileu no mesmo dia em Firenze

Ciao, amigos!

Acordei tarde hoje! Afinal, depois de mais de 8 horas andando ontem em Lucca, eu merecia um descanso! Após o lauto café da manhã, fui a um Museu que queria muito visitar aqui em Firenze: A Galleria dell'Accademia. É onde está o original da estátua de Davi de Michelângelo. Fiquei 1h30 na fila para comprar o ingresso que me custou 10 euros ( tá vendo, isso que dá não reservar pela internet com antecedência!) e finalmente pude entrar para ver as obras desse mestre da escultura.
Na primeira sala que entrei vi “O rapto das Sabinas” original (a réplica está na Piazza Signoria) de Giambologna.


Ao entrar em outra sala estavam os famoso “escravos” de Michelângello, obras incompletas,originalmente destinadas ao túmulo de Julio II na Basílica de San Pietro, no Vaticano.



Depois a gente vê uma “Pietá”, também do mestre, que é muito bonita...


E ali, em destaque, escontra-se ele: O Davi! Lindo! Um escândalo de grande! Só a estátua tem 4 metros, sem contar o pedestal! Uma perfeição de anatomia humana representada ali naquele bloco único de mármore.

Diz a lenda que perguntado como ele tinha feito aquela estátua tão perfeita em um só bloco de pedra, Michelângelo respondeu: “Eu olhei o bloco, peguei o martelo e o cinzel e tirei tudo o que não era Davi”. Simples assim! Só mesmo um gênio para enxergar Davi em um bloco de mármore. Impressionante!




Saindo da Accademia, fui até o Batistério de San Giovanni, dedicado a São João Baptista. Custa 4 euros para entrar e você pode fotografar a vontade! O lugar é lindo! Tem mosaicos que contam as histórias da bíblia, além das portas contando também passagens da vida de personagens bíblicos. É nesse batistério que está o “portal do paraíso” que eu mencionei em um post anterior.




Almocei uma deliciosa pizza caprese (muzzarela de búfala, rúcula e tomate!) e fui até o Museu Galileo, antes chamado de Museu da História da ciência. É um lugar bem interessante e mostra vários inventos não só de Galileo, mas de várias pessoas, com intenção de medir o tempo e entender o universo.


Há vários globos mostrando o céu, a terra, as novas terras descobertas e aquelas que se acreditavam existir...





Para quem gosta de ciência e coisas do gênero, vale a pena a visita. Custa 8 euros.





Na volta, passei por um caminho diferente e acabei descobrindo um supermercado! Aproveitei e fiz umas comprinhas. Passeei mais um pouco, mas a essas alturas meus pés já estavam doendo muito para pensar em ir a qualquer outro lugar, então voltei para o hotel.
Amanhã eu iria a Siena e San Gimignano, mas desisti desse passeio. Resolvi aproveitar um pouco mais de Firenze. Há museus aqui que quero ir e um jardim que dizem que é lindo! Sei que muita gente acha que vir a Florença significa necessariamente fazer um bate-volta a essas duas cidades, principalmente pra quem vai passar 6 dias na Toscana, mas minha viagem será diferente. Quero conhecer mais de Firenze, andar pelas suas ruas e visitar alguns museus que, em geral, as pessoas não costumam ir. As outras cidades ficarão para uma outra oportunidade...


Arrivederci!

VIAGEM REALIZADA EM AGOSTO DE 2010

2 comentários:

ilma disse...

Adoro Firenza! E os Museus que vc foi sao lindos! Amo Michelangelo e ver o Davi de perto para mim foi uma emoçao.
Bjs de viajante

Anônimo disse...

O Davi de Michelangelo é belíssimo e suas fotos de vários ângulos estão sensacionais.
Beijos de balanço.
Marluza